NRF 2024: principais insights do maior evento de varejo do mundo

06/02/2024 por devlayer

6 min

Manter uma marca relevante e competitiva no mercado é um desafio e, para isso, o primeiro passo é ficar atento às tendências. O NRF Retail’s Big Show (NRF 2024), por exemplo, levantou diversos insights sobre o varejo que todo lojista deve saber. 

O evento, realizado pela National Retail Federation — Federação Nacional do Varejo nos Estados Unidos —, aconteceu em Nova York, entre os dias 14 e 16 de janeiro. 

Além de reunir mais de 40 mil participantes, o NRF 2024 atraiu também a atenção de inúmeras pessoas que atuam no varejo e não querem ficar para trás quando o assunto são as novidades do mercado.

Se você também quer saber o que foi abordado no evento, continue a leitura deste artigo e confira todas as informações que reunimos sobre o NRF 2024.

NRF 2024: o grande evento do varejo

O NRF 2024 é muito significativo para os varejistas, pois reúne grandes nomes do mercado para falar sobre temas que impactam no segmento.

A edição deste ano foi pautada no conceito “Make it Matter” que, em tradução literal, significa “Faça Com Que Isso Importe”.

A programação foi guiada por 5 pilares que, se trabalhados de maneira conjunta no varejo, contribuem para a construção de um relacionamento humano, inovador e sustentável a longo prazo com o consumidor. Confira quais são eles:

  1. Valores
  2. Produtos e experiência
  3. Operações
  4. Talentos
  5. Modelos de negócio

Principais insights NRF 2024

A importância do evento é evidente, portanto, chegou a hora de descobrir as tendências discutidas por lá e refletir como elas podem fazer a diferença em seu negócio.

Retail Media

Esse é um assunto que foi muito comentado no NRF 2024 e representa uma oportunidade para lojistas aumentarem a receita.

O Retail Media é uma estratégia na qual as marcas exibem anúncios em espaços disponibilizados por varejistas em seus canais de vendas, sejam eles físicos ou digitais. 

Nos centros de conveniência que oferecem mix de lojas complementares, por exemplo, uma boa ideia é fechar parcerias entre lojas que vendem produtos ou serviços que se complementam e realizar uma divulgação cruzada. 

Inteligência artificial

No NRF 2024 ficou claro que o uso de IA já é uma realidade em diversas empresas e deve ser ampliado cada vez mais devido aos benefícios que a tecnologia tem a oferecer.

Como adiantamos em outro conteúdo, a coleta e análise dos dados fornece diversas vantagens aos lojistas. 

Entre elas, a identificação de padrões de compra, preferências, melhorias e diversas outras informações úteis para aprimorar os processos. 

Destaque para pesquisa que fala sobre como as pessoas estão confortáveis em interagir com as IAs

Sustentabilidade

A cada dia que passa fica mais nítido que esse tema deixou de ser opcional e passou a ser indispensável, fato que se comprovou no NRF 2024.

Os consumidores estão mais conscientes, já as empresas estão mais preocupadas em adotar práticas de economia circular.

Essa ação minimiza o desperdício e aumenta a eficiência dos recursos ao propor um ciclo fechado de produção e consumo.

Destaque da pesquisa sobre decisões de compra dos entrevistados

Hiperpersonalização

Apresentada na NRF 2024 como uma estratégia para atrair e fidelizar clientes, a hiperpersonalização evidencia o desejo em ser tratado de maneira única.

Isso contempla desde as interações com as marcas baseadas nas reais necessidades do consumidor, até indicações de produtos adequados ao seu perfil.

A Inteligência Artificial, já mencionada neste artigo, é a melhor maneira de conhecer a fundo os clientes — devido à identificação de padrões de comportamento — e propor a personalização que eles buscam.

Destaque sobre preferências dos consumidores

Unified commerce

“Além do omnichannel”, é assim que podemos definir esse conceito mencionado na NRF 2024 e que, em português, significa comércio unificado.

O que diferencia o omnichannel do unified commerce é que o primeiro está relacionado à integração dos canais de venda e atendimento ao cliente. Já o segundo, considera toda a estrutura do negócio — estoque, financeiro, meios de pagamento, entre outros.

Além de otimizar a gestão do negócio, essa estratégia também colabora para aprimorar a experiência do cliente.

Pós-venda efetivo

A jornada de compra acaba quando o cliente realiza a aquisição do produto, mas isso não significa que o vínculo com o cliente deve chegar ao fim — pois o pós-venda importa, e muito!

Por isso, as devoluções e os retornos também estiveram em pauta no NRF 2024 e foram apontados como uma oportunidade de gerar valor para o cliente — se realizados de maneira correta.

Ao oferecer cupons de desconto ou dar pontos em programas de fidelidade para clientes que tiveram uma experiência negativa com a marca, é possível reverter uma situação que poderia prejudicar a empresa.

A força das lojas físicas

Agora que você já está por dentro dos principais assuntos abordados no NRF 2024, é hora de refletir sobre como esses insights podem ser aplicados em sua loja. Afinal, o varejo físico segue forte e em constante evolução.

Prova disso é que, de acordo com o Relatório Tendências do Varejo 2024, desenvolvido pela Opinion Box, nos últimos 12 meses, as compras em lojas físicas foram a escolha de 67% dos consumidores.

Esse dado mostra que, independentemente da comodidade que as compras online podem proporcionar, o varejo físico é fundamental para as marcas.

Isso porque é no presencial que a empresa tem a oportunidade de potencializar a experiência de compra. Na loja física o cliente pode, por exemplo:

– Ter contato com o produto 

– Esclarecer dúvidas rapidamente

– Sair com o produto em mãos

Com isso, ao longo dessa interação presencial, a marca tem diversas possibilidades de fortalecer a sua imagem e conquistar cada vez mais clientes. 

Ponto comercial assertivo gera maior relevância

Para ter uma loja física relevante é preciso se atentar a dois importantes aspectos: localização e estrutura do ponto comercial.

Essas características impactam tanto na visibilidade que a loja terá quanto na percepção que os consumidores terão sobre ela. 

Portanto, ao escolher um ponto comercial, considere também esse insight: seja estratégico — alie localização à estrutura para atrair cada vez mais pessoas. 

CTA para BP sobre NRF 2024

Você também pode se interessar: